Blog do Navarro

Análises e notícias do São Paulo F.C.

Por ter apoiado a Globo, Grêmio terá sua Arena na Copa. Beira-Rio deve ter o mesmo destino do Morumbi

Grêmio assinou o contrato de cerca de R$ 53,5 milhões com a TV Globo para transmissão dos jogos do Brasileiro para ter sua nova arena na Copa do Mundo de 2014. A negociação entre a CBF e o Tricolor gaúcho foi intensificada no início do ano, quando o Clube dos 13 acelerou a licitação pelas plataformas de mídia.

O presidente da entidade, Ricardo Teixeira, que defende a permanência da Globo, confirmou a promessa ao presidente do Grêmio, Paulo Odone, no amistoso Brasil x França, fevereiro, em Paris (FRA). A convite da CBF, Odone foi chefe de delegação. Presidente do Corinthians, Andrés Sanchez também viajou e ajudou na persuasão.

A ideia de Teixeira é repetir o que fez com o São Paulo, líder do C13, que teve o Morumbi excluído da Copa. O Corinthians, ao lado a CBF, ganhou o Fielzão no Mundial.

Agora, Teixeira fomenta a Arena Grêmio substituindo o Beira-Rio, como retaliação ao Internacional, que deu o aval à licitação do C13.

O projeto da Arena Grêmio, adequado às especificações da Fifa, foi entregue de novo há duas semanas ao Comitê Organizador Local (COL), do qual Teixeira é presidente. O Grêmio deu a dois ex-secretários da Copa no Rio Grande do Sul cargos na nova arena. E comemora o impasse nas obras do Internacional. A Traffic, bem relacionada com CBF, Globo e Grêmio, assiste a tudo de camarote, só à espera para comercializar as propriedades da arena.

fonte: Lancenet!

COMENTÁRIO:

PVC já havia ‘cantado a pedra’, mencionando a possibilidade da escolha do estádio da Copa ser usada para beneficiar o tricolor gaúcho. E agora cada vez mais está se confirmando que Ricardo Teixeira usa seu poder como presidente do COL para beneficiar seus aliados e atacar quem fica em seu caminho.

O São Paulo conhece de perto esse processo. Encontrarão algum detalhe ‘técnico’ para excluir o estádio colorado, e indicarão a Arena Grêmio. Evidente que neste caso o imbróglio é menos grave porque o novo estádio do Grêmio já tem condições de sediar a Copa e já está equacionado, diferente do estádio corintiano, quando foi indicado para o torneio. Mas o componente político é evidente.

Se determinado clube tiver um Allianz Arena para a Copa, mas estiver contra os interesses de Teixeira, de nada adianta. Por outro lado, se tiver um esboço de um rascunho de projeto de estádio num papel de guardanado e estiver do lado do presidente da CBF, sem problemas.

O mais incrível nisso tudo é que os clubes, mesmo sabendo dessa opressão a que estão submetidos, não criam coragem para enfrentar e se libertar da CBF. No ano passado, Teixeira cooptou e ameaçou muitos para conseguir votos para Kléber Leite. É isso que os times querem? Não poder sequer ter o direito de se posicionar politicamente, sob pena de serem punidos?

Não tem jeito, é algo intrínseco da cultura tupiniquim: preferem se vender do que lutar e conquistar sua independência. O Blog lamenta e muito pelo Internacional. Se o Beira-Rio fosse excluído por questões realmente procedentes, sem problemas. Mas não é o caso: o clube ainda discute internamente a possibilidade de ter uma construtora auxiliando a bancar a obra, o que resolveria de vez a questão.

O fato é que será excluído tão apenas porque o clube defendeu uma licitação para venda dos seus direitos de tv, como se isso fosse um pecado capital. É o fim da picada.

Siga-me no twitter: @blogdonavarro_

About these ads

26 responses to “Por ter apoiado a Globo, Grêmio terá sua Arena na Copa. Beira-Rio deve ter o mesmo destino do Morumbi

  1. Wellington Franke Jr (@frankejunior) Outubro 22, 2011 às 10:23 am

    Que estranho essa opinião sua, pois aqui no Rio Grande do Sul as coisas ocorrem de forma diferente. Pois, a Arena do Gremio jamais fora cogitada para sediar a Copa do Mundo e Copa das Confederações. Ao contrário, se hoje o Grêmio terá chances de receber a Copa na Arena, isso deve-se ao fato do Estádio estar sendo construido em tempo, ao contrário do “PUXADINHO” situado no Aterro da Pe. Cacique.

    Veja o que o jornalista da Zero Hora Wianey Carlet (que sempre elogia o Inter mesmo quando perde)

    “Nós, jornalistas esportivos, podemos e devemos compreender que o torcedor não domine as normas e particularidades administrativas da FIFA quando se trata, principalmente, da organização de Mundiais de Futebol. Este é um dever que nos compete, por razões profissionais. A FIFA NUNCA trabalha com segunda opção. Depois que define cidades e estádios, encerra o assunto.”

    O texto acima reproduz em resposta as duras criticas de torcedores gremistas que vêem absurdos em favor do projeto “remendo para sempre” do Inter, que segundo os organizadores da Copa na capital Gaúcha alegavam que a sede seria o “Beira-Lago” (O Guaíba não é Rio…) e que não havia um “Plano B” caso o projeto colorado falhásse. O que significou o seguinte: Ou é no Beira-Rio, ou Porto Alegre não sedirá a Copa…

    Mesmo até com o apoio da Dep. Manuela D’ávila do PCdoB (oi?) e da Dilma (para quem não sabe, ela iniciou carreira politica no RS), as tentativas de terminar o remendo tornaram-se cada vez mais inviáveis, o contrato assinado com a Andrade Gutierrez era sempre respondida com a seguinte frase: “semana que vem” – divulgada com ânimo pelos jornalistas baratos e “isentos”…

    Fazem dois meses que a semana não chega e o presidente do Clube Campeão da PIFA mantém a ideia de que “é tudo com nóis”, Porto Alegre perdeu a chance de ser uma das sedes da Copa das Confederações. Agora, cogitam em tentar terminar o “puxadinho vermelho” com recursos Federais da mesma maneira que o “Curintia”. Ah, mas isso pode! Ao contrário do estádio ficticio do Corinthians, a Arena do Gremio era um projeto antigo, suas negociações eram realizadas há anos e nem cogitava ser sede da Copa. E se for oficializado como estádio oficial da Copa, isso será excelente para a Capital dos Gaúchos, já que é um estádio cheirando a novo e não um simples remendo…

    Teu texto faz me indagar se realmente o Rogério Ceni cedeu os gols para o Inter nas Libertadores que ganharam… Coincidência?

    Recomendo um texto que ilustra as realidades ocorridas por aqui…
    http://arenadogremio.blogspot.com/2011/10/arte-da-hipocrisia.html

  2. Horácio Março 19, 2011 às 6:24 pm

    Tadinho do inter, não era amiguinho do Rivardinho Ladrão? Agora toma, se não assinar com a Globo já Elvis.

  3. Pingback: Por ter apoiado a Globo, Grêmio terá sua Arena na Copa. Beira-Rio … | ZiiPe

  4. Varela Março 19, 2011 às 4:55 pm

    Está passando da hora do governo, que é quem vai, no final das contas, botar o dinheiro, entrar quente na administração dos preparativos da copa.

  5. Vinny Março 19, 2011 às 4:10 pm

    Não podemos vender a imagem de um País que fica remendando obras, é preciso de estádios novos, mais seguros, confortáveis e com melhor visão do campo. Sem essa de que um bom binóculos e balde 20l na arquibancada resolve, nunca senti tanta vergonha alheia como aquele dia, sério. Finalmente a geral vai acabar, a nova direção deve ter ficado horrorizada com a quantidade de DST’s que eram difundidas a cada gol.
    O que Corinthians e agora Grêmio vão fazer mostra o compromisso com o Brasil, dois clubes sérios, bem administrados e que não pensam em sim mesmos, mas no povo Brasileiro.

    • Thiago Tricolor Março 19, 2011 às 5:41 pm

      kkkkkkkk, um dos comentários mais engraçados que eu já vi, “dois clubes sérios, bem administrados e que não pensam em sim mesmos, mas no povo Brasileiro”. huahauahuahauhauahuahau

      • Horácio Março 19, 2011 às 6:23 pm

        Já o que recebe dinheiro público de impostos, terreno governo e dinheiro de banco público… Itaquerão o Novo Pacaembu.

        • Rafael Outubro 22, 2011 às 11:30 am

          A Arena do Grêmio não está sendo financiada com dinheiro público, é uma parceria entre o time e uma construtora, e é feita mesmo com o Beira-rio como sede da copa.
          Minha opinião é que TODOS os estádios deveriam ser particulares, e NADA de dinheiro público. Maracanã, mineirão, arena pantanal, a arena de Brasília e quase todos os outros estádios da copa são públicos e representam um gasto que deveria ser direcionado para outras áreas mais urgentes no Brasil.

  6. Tutano Março 19, 2011 às 4:04 pm

    Essa é uma visão maniqueísta das coisas.
    Essa história não está protagonizada por bons contra maus, anjos contra demônios, honestos contra desonestos.
    Todos estão lutando por interesses próprios.
    E, fatalmente, alguns perdem. E quando perdem se dizem injustiçados.
    Dizem que negociar é uma arte.
    Burrice é querer impor sua vontade, como fizeram os dirigentes do SP junto à CBF, ao C13, à Globo, aos demais clubes de São Paulo.
    Vejam o caso do estádio. JJ e seu grupo aumentaram sucessivamente o custo para que os demais clubes jogassem lá. Chegou a 20% da renda, fora os bares, lanches e serviços. Sem contar que proprietários de cadeiras cativas que torciam por outros times eram expulsos dali se estivessem com as camisas de seus clubes – isso sendo proprietários da cadeira! Hoje, a maioria dos não sampaulinos vendeu sua cativa, com prejuízo, dada sua desvalorização.
    Se hoje o estádio do SP se arrasta com shows e encontros de evangélicos é por um único motivo: não existe recinto onde caiba tanta gente, mesmo sendo uma construção desconfortável. Os moradores do Pacaembu não permitem eventos na madrugada.
    Quantas pauladas mais os dirigentes do SP vão ter que tomar na cabeça para entender que devem respeito aos outros? Que devem negociar e não tentar impor o que querem?
    Eles constrangem seus torcedores. Sua torcida tenta, todo o tempo, justificar as atitudes que eles tomam.

    • Morais Mota Março 19, 2011 às 4:50 pm

      Falou quase tudo cara, o engraçado é que eles apoiam cegamente ao máximo os seus diregentes e quando eles cometem erros drásticos que podem comprometer os seus clubes por longos periodos irreversíveis(como o que vem acontecendo frequentemente com o SPFC e todo mundo está vendo e só eles que não), eles sempre buscam justificativas para esses tais blefes e no final sempre se dizem injustiçados ou algo do tipo, como se eles estivessem sempre certos. Oras e quem não está certo defendendo os seus próprios interesses?

      As vezes se esquecem que por mais estajamos mostrando imparcialidade, somos todos torcedores e clubistas, não há o que negar.
      Já os caras do poder não, eles são EMPRESÁRIOS e não trabalham com CARIDADE! Ou da retorno em seus interesses futuros em termos de estratégica política, com maior ganho financeiro possível ou cai fora, nínguém trabalha ou negocia para ficar no prejuíso.
      Simples assim!
      Depois usam alguns orgãos de imprensa inferiores para fazerem barulho e divulgarem que foram injustiçados porquê ficaram fora de uma determinada repartição de bolo, ou ficaram sem essa ou aquela vaga, sem esse ou aquele estádio em tal evento e justificam que foram alvos de corrupção por parte desse ou aquele outro dirigente de maior escalão, quando na verdade foram incompetentes e usaram ESTRATÉGIAS ERRADAS.
      Tenha santa paciência, é sempre a mesma história. ¬¬

    • Varela Março 19, 2011 às 4:59 pm

      Tutano,

      Você já ouviu falar que há situações em que os participantes do negócio ganham mais se cooperarem do que se cada um buscar a melhor saída para sí?

      Digita aí no Google: “teoria dos jogos” “dilema do prisioneiro”.

      É mais ou menos o que ocorre aqui. A negociação individual afugenta possíveis investidores (principalmente extrangeiros), aumenta os custos da negociação e reduz a transparência dos clubes. É ruim pra todo mundo.

  7. Andrezão Março 19, 2011 às 2:30 pm

    “Se determinado clube tiver um Allianz Arena para a Copa, mas estiver contra os interesses de Teixeira, de nada adianta. Por outro lado, se tiver um esboço de um rascunho de projeto de estádio num papel de guardanado e estiver do lado do presidente da CBF, sem problemas.”
    Esta foi a melhor comparação sobre a força de RT tem de todas que já li. Pelo visto a ditadura e a politicagem no futebol esta longe da acabar no Brasil, cadê a autoridade máxima do futebol para intervir. A FIFA não deixa os governos intervir no futebol, mas deixa as federações fazer o que quer com o futebol. Só tem uma coisa a dizer “vergonha”….

  8. Paulo Barbosa Março 19, 2011 às 12:56 pm

    É o preco que se paga por ser honesto e trabalhar sério.

    Eu como sãopaulino dou graças a Deus pelo Morumbi ter caído fora dessas suja e imoral história da copa do mundo.

    E aconselho aos colorados que também não pensem duas vezes em cair fora desse esgoto. É um peso que voces tirarão da consciência.

  9. Thiago Março 19, 2011 às 12:30 pm

    Sejamos francos,,, Morumbi e Beira Rio já tiverm seus dias de glória !!!

    Hoje não passam de elefantes brancos, gigantes e que dão muito prejuízo aos seus clubes…

    Uma simples reforma não fará desses estádios as maravilhas que todos esperão ver sediando jogos da Copa do Mundo !!!

    Sou muito mais estádios novos, (menos os de Natal, Mato Grosso e Amazonas, que não terão utilidade pós Copa), no padrão de arena !!!

    E hoje no Brasil, só os fortes sobrevivem !!!

    • Junior Ferraz Março 19, 2011 às 12:37 pm

      Morumbi elefante branco dando lucro de R$ 45 milhões num ano???
      Acho que qualquer clube do mundo gostaria de um “elefante branco” desse, né não?
      Patética a sua análise….simplista e clubística!

      • Euclides Março 19, 2011 às 12:58 pm

        Concordo com sua análise Junior. É bom lembrar que a Alemanha, embora tenha construido estádios maravilhosos para a copa de 2006, não deixou também de reformar outros, inclusive um que sediou a olimpíada de 1936 e que foi palco da final da copa.

    • Paulo Barbosa Março 19, 2011 às 12:52 pm

      Os fortes sobrevivem com as próprias pernas, com seu próprio trabalho…

      Enquanto os fracos sobrevivem pendurados no saco dos que tem o poder. É preciso separar o conceito de forte com com o conceito de submisso que fica colhendo as migalhas deixadas por quem tem o poder.

      Que o diga o cachorrinho de estimação da CBF, o Totó do RT, o tal de Andres Sanches…

      Quisera seu time ter um elefante branco que de 40 milhões de lucro em um ano…

    • Wyrlei Março 20, 2011 às 7:03 pm

      KKKKKKK, Thiago não te conheço, mas pelo seu comentário percebo que vc não entende nada, Morumbi elefante branco? kkkkkk, só pode ser cúritianús mesmo, é mais um que pensa que o São Paulo teria prejuizo sem os jogos das galinhas,kkkkkk só rindo mesmo, agora thiago conta a do papagaio kkkkkkkkkkk.

    • José Roberto Março 21, 2011 às 2:57 am

      Faturamento de 40 milhões em 2010 com lucro de 20 milhões é prejuizo?
      Cara você é bobo ou comeu merda quando criança?

  10. Pingback: Por ter apoiado a Globo, Grêmio terá sua Arena na Copa. Beira-Rio … | ZiiPe

  11. nando Março 19, 2011 às 10:02 am

    navarro… n caberia um processo na justica contra a cbf, col seja la quem decide qual estadio ira sediar a copa, por danos… gastaram dinheiro com projeto, tempo etc etc… o inter ja esta reformando o estadio exclusivamente para a copa e como voce mesmo disse e eh obvio para todos, morumbi e beira-rio foram excluidos por decisoes politicas e nao tecnicas….

  12. José Rocha Março 19, 2011 às 9:52 am

    Mais absurdo do que tudo isso são as autoridades públicas não se mobilizarem contra Ricardo Teixeira. O Ministério Púbico Federal e a Polícia Federal, diante dessas denúncias tinha o dever de intervir.

    A Copa é utilizada como meio para extorquir os clubes que possuem um mínimo de decência num país povoado por ladrões.

    A imprensa toda hora divulga alguma informação suspeita. Não é difícil perceber que onde há fumaça há fogo.

    Enfim, não consigo imaginar uma mudança séria nesse cenário.

    Essa tal CPI, se sair, será benéfica. Mas os motivos pelos quais ela está sendo criada não são os reais motivos de se criar uma CPI. Está mais do que na cara que alguém se sentiu prejudicado (fora da partilha do bolo). Ainda assim, torço para que essa CPI saia e que seja comandada por gente minimamente interessada em fazer um trabalho digno.

    Registro, aqui, minha revolta.

    • José Roberto Março 21, 2011 às 2:55 am

      Eu também gostaria muito que saisse, mas.
      Veja.

      PT votará contra CPI da CBF
      20 de março de 2011

      Orientados pelo líder do partido, Paulo Teixeira, os deputados do PT não devem assinar a lista de Anthony Garotinho para instauração da CPI da CBF.
      Confesso não ter ficado surpreso.
      Os petistas parecem realmente ser avessos a procedimentos investigatórios.
      Resta saber o motivo real desta decisão, já que, o alegado pelo líder do partido, de que não há “fato determinado” para a investigação, é um verdadeiro atentado à inteligência do povo brasileiro.
      Fatos é o que não faltam.
      Rabo preso dos parlamentares, pelo visto, também.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 10.348 outros seguidores